Como fazer meu filho gostar de ler? Confira 6 dicas

Vários estudos, como os que foram levantados em uma pesquisa da Fundação Itaú Social, apontam que a leitura na primeira infância tem impactos positivos no desenvolvimento das crianças. Por isso, muitos pais têm a mesma dúvida: como fazer meu filho gostar de ler?

O contato precoce com a literatura tem um efeito benéfico principalmente em dimensões relacionadas à linguagem — como aquisição e ampliação de vocabulário e aprimoramento das habilidades de leitura e compreensão de texto no ensino fundamental. Além disso, ajuda no desenvolvimento de habilidades socioemocionais — com destaque para a empatia.

Para obter esses benefícios, é essencial que os pais estimulem a leitura desde cedo, de maneira que ela se torne um hábito agradável praticado no dia a dia. Se você não sabe como fazer seu filho gostar de ler, veja as nossas 6 dicas.

1. Leia livros com os seus filhos

Para que a leitura se torne um hábito, os pais precisam se envolver de maneira ativa, especialmente nos primeiros anos de vida das crianças, antes da alfabetização. Além disso, é interessante estabelecer dias e horários específicos para ler juntos, mantendo a constância.

Uma boa ideia é ler com os seus filhos antes deles dormirem pelo menos três vezes por semana. Assim, o momento da leitura vai ajudá-los a relaxar e ter noites mais tranquilas. Com o tempo, isso vira uma rotina e as crianças passam a esperar pelo momento da leitura.

Ao selecionar o livro a ser lido, ofereça algumas opções e deixe a criança escolher. Durante a leitura, use entonações variadas para diferenciar os personagens e as emoções narradas, mostre as ilustrações, interaja com a criança. Isso faz com que ela se envolva mais com a história e se interesse pelo que está sendo lido.

Também é importante deixar o seu filho à vontade. Se ele interromper a leitura para fazer comentários ou perguntas, não o repreenda nem se apresse para voltar a ler. Essa é uma oportunidade para que a criança aprenda a se expressar e comece a desenvolver o senso crítico. Aproveite para dialogar e mostre que é saudável dizer o que pensa e questionar.

2. Dê livros de presente

Nas ocasiões em que você for presentear os seus filhos, opte por dar livros. Para acertar no presente, procure por assuntos pelos quais eles se interessam, observe o nível de maturidade e tente inovar, trazendo algo diferente do que já têm em casa.

Além disso, veja quais obras são adequadas à faixa etária deles sem se prender às indicações. Considere tanto os aspectos do livro — principalmente o nível de complexidade da linguagem e da história, o formato, a proporção de texto e ilustrações ao longo das páginas — como as características da criança — observando o nível de maturidade e as preferências, por exemplo.

Há várias opções interessantes no mercado. Algumas que se destacam são:

  • livros interativos — convidam a criança a executar determinadas ações durante a leitura;
  • livros pop-up — têm dobraduras que “saltam” quando determinadas páginas são abertas;
  • livros clássicos ilustrados — apresentam histórias clássicas que vão desde contos de fadas até adaptações de grandes obras da literatura nacional e internacional.

3. Seja um exemplo para os seus filhos

Ler com frequência é uma atitude recomendável para fazer seus filhos gostarem de ler. Isso não só os influencia a repetir o ato, mas também reforça a associação da leitura a algo positivo.

Entretanto, é importante fazer isso de maneira natural e não pressioná-los a ler porque você está lendo. Nesse sentido, o papel dos pais é inspirar e estimular os filhos sem forçá-los, evitando que a leitura seja entendida como uma obrigação.

4. Tenha um espaço dedicado à leitura

Dedique um espaço da casa à leitura. Não precisa ser grande, basta que o lugar tenha todos os livros da criança e faça com que ela se sinta à vontade para pegar qualquer livro e se acomodar durante a leitura. Uma boa ideia é colocar pufes, tapetes e almofadas. Garanta que o cantinho seja:

  • aconchegante;
  • organizado;
  • livre de distrações e eletrônicos;
  • decorado conforme o gosto do seu filho.

Mesmo se os seus filhos ainda não conseguirem ler sozinhos, é interessante ter um espaço dedicado à leitura. Afinal, nada impede você de se unir a eles e estimular esse hábito desde cedo.

5. Leve as crianças a bibliotecas e livrarias

Organize-se para levar as suas crianças a bibliotecas e livrarias de tempos em tempos. Elas são naturalmente curiosas e vão adorar a oportunidade de explorar os livros disponíveis e conhecer obras novas.

Deixe os seus filhos andarem pelos corredores de literatura infantojuvenil e folhearem os livros para decidirem quais vão levar para casa. Quando for a livrarias, estabeleça um valor máximo e permita que eles escolham a obra. Uma boa dica é levá-las a livrarias para recompensar algum bom comportamento.

6. Incentive a criança a participar ativamente

Para que a criança tenha um envolvimento maior com a leitura, possibilite que ela desempenhe um papel ativo. Isso pode ser feito de várias maneiras:

  • pergunte para a criança o que está acontecendo nas ilustrações;
  • de vez em quando, peça para o seu filho contar uma história no momento de leitura, baseada em um livro já lido ou inventada;
  • proponha a criação de um livro. Disponha-se a escrever e permita que o pequeno faça as ilustrações, reúna as folhas no formato de um livro;
  • faça perguntas relacionadas à história no fim de um momento de leitura ou em outra ocasião em que vocês estiverem juntos, como na hora do jantar.

Conte com a criatividade e lembre-se de considerar a faixa etária do seu filho e se ele já foi alfabetizado. Além disso, não force a barra se a criança não demonstrar interesse pela sua sugestão. O mais importante é que ela se divirta e sinta vontade de participar.

Ao colocar em prática essas dicas de como fazer meu filho gostar de ler, é importante ter em mente que a leitura precisa ser incentivada de maneira leve e natural. Assim, essa prática não vai ser vista como uma obrigação, o que poderia causar desinteresse, mas, sim, como algo prazeroso e divertido, contribuindo para o desenvolvimento da criança.

Quer ver mais dicas de como contribuir para o desenvolvimento saudável e o aprendizado dos seus filhos? Siga as nossas páginas nas redes sociais! Estamos no Facebook, Instagram, YouTube e Flickr.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.