Criatividade infantil: 7 dicas para incentivar essa habilidade

Sabia que o modo como uma criança é criada e educada influencia o desenvolvimento das suas habilidades e das competências também? Inclusive, a criatividade infantil é estimulada dessa forma. Ela é a capacidade de criar e de produzir coisas novas, de mudar e de se adaptar a novas experiências.

Desse modo, é muito importante incentivá-la desde cedo, pois, assim, é possível garantir o desenvolvimento saudável das capacidades cognitivas e da visão que o jovem tem do mundo ao seu redor. Diante disso, por meio de atividades físicas, educacionais e artísticas, os pais podem estimular os seus filhos a serem criativos.

Tarefas simples e adequações no modo de educar são suficientes para proporcionar esses estímulos e, pensando nisso, nós listamos algumas dicas para você colocar em prática. Continue lendo e veja como contribuir para o bom desenvolvimento do seu filho a fim de que ele tenha mais criatividade. Vamos lá?!

Como incentivar a criatividade infantil?

A criatividade infantil pode ser estimulada desde muito cedo. Mesmo bebês podem ter essa habilidade trabalhada por meio do contato com cores, formas e texturas diferentes, que trabalham aspectos cognitivos. Quando mais crescidas, as crianças podem vivenciar experiências que vão trabalhar também a sua cognição e despertar diferentes habilidades junto à criatividade. Confira, a seguir, algumas boas práticas para contribuir para o desenvolvimento dos pequenos.

1. Conte histórias

Crianças amam ouvir histórias e, ao tirar esse tempo para estar com o seu filho, o pequeno se sente mais próximo de você e diverte-se. O hábito de leitura na infância estimula a concentração, a memorização e as habilidades linguísticas, além de aumentar a capacidade de imaginação e, é claro, a criatividade infantil.

Para começar, procure livros e contos infantis que sejam adequados para a idade da criança, ou, se preferir, conte alguma história sua. O importante é você ler para o seu filho, fazendo com que, desde pequeno, ele esteja sob influência da leitura e, quando ficar maior, tenha interesse em procurar histórias novas por conta própria.

2. Use a tecnologia como aliada

Os recursos tecnológicos atuais são ótimos aliados para a educação, para o desenvolvimento da criança e para o estímulo da criatividade infantil. Existem diversas formas de estimular os pequenos. Você pode, por exemplo, adaptar o aparelho celular, o tablet ou o computador para o uso do pequeno, aprimorando as habilidades lógicas da criança.

Apresente aplicativos que incentivam o raciocínio. Procure jogos que tenham um cunho pedagógico, que trabalhem cores, formas, números, letras, personagens e outros recursos com os quais a criança possa interagir. Entretanto, é preciso lembrar que muita exposição a essas ferramentas pode ser prejudicial para a rotina dos pequenos. Por isso, limite o uso desses aparelhos e incentive-os a terem outras opções de lazer.

3. Ofereça desafios

Propor enigmas, brincadeiras ou tarefas que precisam de solução para a criança é extremamente importante para o desenvolvimento da criatividade infantil. Isso não só a fará reproduzir os ensinamentos já gravados na mente, mas também a instigará a pensar em novas possibilidades.

Deixe que ela resolva os desafios sozinha para que saiba que ela pode lidar com questões novas por conta própria, mas sempre esteja auxiliando com dicas e comentários positivos para motivá-la. Se ela não acertar de primeira, não desista. Procure continuar dando apoio para que ela siga com o desafio até encontrar uma solução. Mas lembre-se de que cada um tem o seu tempo. Incentive, mas dê espaço para ela ter todo o tempo necessário.

4. Dê liberdade

Chegará o momento em que o seu filho terá que fazer algumas coisas sozinho. Ele precisa amadurecer e requer instrução para saber lidar com situações diferentes. Esse é um processo delicado, pois o desenvolvimento varia muito de uma criança para outra.

Incentive a autonomia por meio de tarefas simples, como juntar os brinquedos, tomar banho, escovar os dentes, tirar o prato da mesa e outras que estejam condizentes com a sua idade. Dê liberdade para a criança agir, criar e tomar decisões.

Lembre-se também de que é importante ter paciência com os limites do pequeno. Deixe-o avançar para novas etapas quando se sentir confortável, permitindo que ele mesmo tenha as suas descobertas e experiências, mas sempre incentive e elogie quando ele aprender algo novo, por exemplo.

5. Tome cuidado com o excesso de regras

É fundamental que os pais definam algumas regras e que a criança saiba que existem limites em cada situação, mas não pode haver exageros. Quando a rotina do pequeno é cheia de regras, ele acaba crescendo inflexível e rígido, sem contar que isso pode afetar o seu psicológico.

As crianças, muitas vezes, podem apresentar cargas de estresse por se sentirem sufocadas em uma rotina fechada. Isso pode bloquear a criatividade infantil e impedir que elas busquem novas experiências. Portanto, pense em algumas exceções que possam ser abertas para melhorar o dia a dia da criança.

6. Ajude a despertar o pensamento crítico

Pensar de forma crítica significa fazer uma análise e uma avaliação de si mesmo e do ambiente ao seu redor. Quando a criança tem noção do que está fazendo, ela consegue ter uma visão melhor de novas possibilidades, sendo isso muito importante para a sua criatividade. É possível incentivar o pensamento crítico por meio de perguntas quando ela estiver fazendo alguma tarefa ou brincando, com o intuito de analisar o processo que está realizando e os resultados que quer alcançar.

Durante o desenvolvimento dessa habilidade, é interessante fazer com que ela entre em contato com novas realidades, abrangendo sua visão de mundo. Questione o que ela pensa, o que faria em uma determinada ação e o que acha do comportamento de alguém. Enfim, diálogos incentivam a reflexão.

7. Crie um ambiente propício

É fundamental que as crianças tenham um espaço próprio em casa para realizar as suas atividades. O ideal para libertar a criatividade infantil é haver um lugar amplo para que o seu filho possa brincar livremente, mas até mesmo lugares pequenos ou o próprio quarto do pequeno podem ser um espaço lúdico.

Procure organizar o local com o que ele mais gosta, desde brinquedos até livros, e traga também materiais educativos que proporcionem ao ambiente um ar acolhedor e de exploração para ele se expressar como bem quiser.

Por que a escolha da escola e de atividades extracurriculares é fundamental?

A escolha da escola e de atividades extracurriculares é essencial para o desenvolvimento da criatividade infantil. Os conteúdos apresentados são somados ao que é aprendido em casa. Assim, muitas iniciativas dentro da unidade educacional são vantajosas para o desenvolvimento da criança. Veja, a seguir, algumas atividades interessantes.

Atividades na biblioteca

A criança terá acesso direto a novas culturas e informações, expandindo o seu universo, conhecendo diferentes campos de saber e podendo praticar a leitura.

Contação de histórias

Assim como a leitura feita em casa, essa atividade ajuda, principalmente, no aprimoramento da capacidade da fala e da escuta da criança, bem como da imaginação e da criatividade.

Aulas de Tecnologia

Elas giram em torno de recursos tecnológicos para exercitar a criatividade infantil. A criança tem a oportunidade de resolver problemas em diversas plataformas diferentes de informação, além de ter contato com tecnologias e desenvolver habilidades do século 21.

Aulas de Inglês criativas

Com aulas dinâmicas para as crianças, elas conseguem aprender o novo idioma de forma rápida e simples. Esse aprendizado não se torna monótono, despertando o interesse do pequeno.

Como visto, é importante que os pais incentivem a criatividade infantil porque isso também favorece o processo de aprendizagem, trabalhando habilidades e capacidades intelectuais para o futuro. Mas não se esqueça de que esse é um processo que acontece no dia a dia, logo, é importante contar com uma boa escola para complementar a formação do pequeno.

Prefira, então, uma instituição que busque sempre a evolução do aluno, com ferramentas que auxiliem a aprendizagem pedagógica e incentivem habilidades, como a criatividade infantil, por meio de metodologias modernas. Todos esses diferenciais estão no CEL, instituição intercultural que garante a educação global com excelência, focando os pilares de acolhimento, a competência e a criatividade para o desenvolvimento dos alunos.

Quer saber mais sobre o nosso trabalho? Então, entre em contato conosco e veja como podemos contribuir para as habilidades do seu filho.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.